October 13, 2020
De parte de Biblioteca Terra Livre
200 puntos de vista

Ol├í a todos e a todas ouvintes do Antinomia, sejam mais uma vez bem vindos e bem vindas ao Leituras Libert├írias, projeto que busca compartilhar um pouco com voc├¬s as nossas leituras sobre a hist├│ria, teorias e pr├íticas do anarquismo. No leituras libert├írias deste m├¬s de outubro, vamos fazer uma singela homenagem ao educador e anarquista catal├úo, Francisco Ferrer y Guardia. J├í faz alguns anos que a Biblioteca realiza diversas atividades destinadas ao tema da educa├ž├úo em outubro, e que carinhosamente apelidamos de o m├¬s Ferrer. Esta s├ęrie de atividades busca lembrar o idealizador da Escola Moderna de Barcelona que foi brutalmente assassinado em 13 de outubro de 1909 pelo Estado e a Igreja cat├│lica espanhola. Assim esperamos poder ajudar em reavivar a mem├│ria de Francisco Ferrer y Guardia que lutou durante toda sua milit├óncia por uma educa├ž├úo radicalmente livre e profundamente igualit├íria. Segue o texto ÔÇťFrancisco Ferrer e sua obraÔÇŁ de Adelino de Pinho, publicado originalmente no jornal A Lanterna e republicado no livro ÔÇťPela Educa├ž├úo e Pelo Trabalho e outros escritosÔÇŁ da editora da Biblioteca Terra Livre.

Megafono | Spotify | Apple podcast | Outros agregadores




Fuente: Bibliotecaterralivre.noblogs.org